Prefeitura de Juazeiro realiza ação educativa de trânsito no bairro Quidé, após instalação de radar de velocidade

Início Prefeitura de Juazeiro realiza ação educativa de trânsito no bairro Quidé, após instalação de radar de velocidade

Dando continuidade às ações educativas de trânsito após a instalação e reativação de radares, a Prefeitura de Juazeiro, através da Companhia de Segurança,  Trânsito e Transporte (CSTT), esteve nesta terça-feira (30) na Avenida João Goulard, no bairro Quidé. O setor de educação para o trânsito deu algumas orientações aos condutores.

“Aqui o radar é para controle de velocidade, até 40 km/h. Orientamos os condutores para que redobrem a atenção no local. O intuito maior da gestão municipal é evitar sinistros de trânsito e principalmente, vítimas. Faremos uma nova ação esta semana, mas avisamos que o equipamento já está em funcionamento e sinalizado”, alertou o supervisor de educação para o trânsito, João Carlos de Sousa.

(Foto: Pedro Angelo/PMJ)

Na semana passada a CSTT esteve com a mesma ação na Avenida Adolfo Viana que teve seu radar reativado. Este registra infrações de veículos que ultrapassem a velocidade até 50 km/h, avanço do sinal e parada irregular sob a faixa de pedestres.

(Foto: Pedro Angelo/PMJ)

Instalação

Os novos radares fixos foram instalados seguindo todas as normas estabelecidas pelo Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro), que inclusive acompanhou o serviço. “A empresa realizou as instalações com nosso acompanhamento, porém para ser liberado, passou pela inspeção do Ibametro que observou a calibração dos equipamentos, selando os radares. Constatando, assim, que ambos estão aptos ao seu funcionamento”, explicou o engenheiro de tráfego da CSTT,  Rodrigo Carvalho.

Todas as autorizações para a instalação desses radares podem ser acessadas nos arquivos abaixo.

Estudo técnico Avenida Adolfo Viana

> Estudo técnico Avenida Adolfo Viana

> Estudo técnico Avenida João Goulard

> Estudo técnico

> Estudo técnico 2

> Estudo técnico 3

> Estudo técnico 4

> Estudo técnico 5

> Estudo técnico 6

> Estudo técnico 7

> Estudo técnico 8

Texto: Thamires Santos – Ascom/CSTT/PMJ

Compartilhar